Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 09dez

    <[email protected]>

     

    Brasília - DF, 08/12/2015. Presidenta Dilma Rousseff durante reunião com Governadores no Palácio do Planalto. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

    Presidenta Dilma Rousseff durante reunião com Governadores no Palácio do Planalto. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

     

    A vice-governadora Cida Borghetti participou nesta terça-feira (8), em Brasília, de reunião da presidente Dilma Roussef com diversos governadores e vice-governadores para tratar das ações do Plano Nacional de Enfrentamento à Microcefalia.

    Ficou definida a união de esforços do governo federal, Forças Armadas, estados e municípios.

    As medidas mais urgentes estão centradas no combate aos focos do mosquito transmissor, o Aedes aegypti, e na proteção de mulheres em período fértil e gestantes, sobretudo nos três primeiros meses de gestação.

    O mosquito transmite a dengue, febre chikungunya e a zika. 

    “O Paraná será parceiro nas ações. A cooperação da população será fundamental para eliminarmos os focos do inseto”, afirmou a vice-governadora. 

    Segundo o ministro da Saúde, Marcelo Castro, foi montado no Ministério de Integração Nacional um centro de controle e avaliação de todas as ações do plano.Além disso, serão montados um centro regional em cada Estado, que será integrado a Brasília.

    “O governo fará tudo para combater esse problema tão grave que o Brasil está passando?, disse o ministro.

    DIA D – A vice-governadora destacou que nesta quarta-feira (9) uma grande mobilização será feita no Paraná pelo Governo do Estado, em parceria com as prefeituras, para chamar a atenção da população sobre a importância de manter casas e quintais livres de criadouros do mosquito. 

    A programação desta quarta-feira envolve ações educativas em ruas e praças, palestras em unidades de saúde, passeatas, carreatas, mutirões de limpeza, blitze com distribuição de materiais informativos, concursos culturais e intervenções artísticas. 

    PROTOCOLO – O Paraná também já conta com um procedimento para a investigação, notificação e atendimento aos casos suspeitos de microcefalia.

    Toda gestante com diagnóstico de microcefalia será considerada de alto risco e terá à disposição acompanhamento especializado pela Rede Mãe Paranaense.

    Esta confirmação poderá ser feita na ultrassonografia de rotina, no pré-natal, já a partir do terceiro mês de gestação. 

    “As gestantes do Paraná já têm acesso a pré-natal de qualidade, com sete ou mais consultas e a realização de todos os exames necessários”.

    “A situação nacional é um alerta para que seja redobrada a vigilância com nossas gestantes e bebês”, afirma o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto. 

    Para a superintendente de Atenção à Saúde, Márcia Huçulak, isso reforça ainda mais a necessidade das futuras mães fazerem todos os exames e comparecerem a todas as consultas indicadas no pré-natal.

    “Com o diagnóstico confirmado, a gestante será encaminhada para receber atenção especial nos Centros Mãe Paranaense e nos ambulatórios dos hospitais de referência”.

    “Desta forma, o bebê terá o que há de melhor em estrutura e equipe de especialistas”, afirmou Márcia.



    Publicado por jagostinho @ 15:23



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.