Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 28mar

    SITE DO SENADOR REQUIÃO

    EUROLAT-300x225Desta quarta-feira (26) ao sábado (29), o senador Roberto Requião participa da 7ª Sessão Plenária  da Assembleia Parlamentar Euro-Latino-Americana,  em Atenas, Grécia. 

    Requião preside a Comissão de Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente e Política Energética da Eurolat, além de ser vice-presidente do Parlamento do Mercosul.

    Na pauta da comissão presidida  pelo senador, está o debate sobre  a exploração do gás de folhelho (gás de xisto), nos Estados membros da  União Européia e nos países da América Latina e do Caribe , pois tanto em um como no outro continente há grande s reservas deste combustível.

    Os impactos ambientais  decorrentes  da exploração e as tecnologias para a extração do gás são os desafios a serem discutidos nesta reunião da Eurolat.

    Segundo a Agência Nacional do Petróleo, o Brasil teria a segunda maior reserva mundial  de gás de folhelho, mas não há no país nenhuma perfuração para a extração do gás.

    As reservas mundiais,  calcula a Agência Internacional de Energia, seriam suficientes para atender a demanda do planeta para os próximos 230 anos.

    Daí o peso cada vez maior do gás de xisto para a política energética dos países desenvolvidos e em desenvolvimento.

    O avanço na exploração do gás de folhelho, acreditam os especialistas  em energia, poderá reduzir a dependência do gás associado ao petróleo e ao próprio petróleo.

    Essa “revolução do gás de folhelho”  teria, assim, forte impacto sobre a geopolítica mundial. No entanto, a questão ambiental que envolve a extração desse gás preocupa alguns países.

    A França, por exemplo, proibiu o uso da chamada “tecnologia do fracionamento hidráulico”, por causa grane quantidade de água usada no método.

    Transgênicos

    Os organismos geneticamente modificados são o outro tema da a ser debatido pela Comissão da Eurolat presidida pelo senador  Roberto Requião.

    O senador deverá falar sobre a liberdade que as transnacionais das sementes têm em sua atuação em quase toda a América Latina e Caribe, enquanto  países da União Européia buscam frear o avanço dos transgênicos, com restrições ao plantio, comercialização e consumo.

    Abertura

    A 7ª Sessão Plenária da Eurolat  está se realizando no Parlamento Helênico, em Atenas, e contou, na abertura, com as presenças do primeiro-ministro Antonis Samaras e do presidente do Congresso, Vangelis Meimarakis, além de representantes da União Européia.

    A Eurolat é composta por 75 parlamentares europeus e  75 parlamentares  latino-americanos.  

    Publicado por jagostinho @ 13:17



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.