Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 24maio

    imprensa.joaoarruda@saninternet.com

    “Precisamos investir muito neste setor e a construção de um centro de convenções em Curitiba é o primeiro grande passo para atrairmos grandes eventos para a nossa cidade e Estado”, diz João Arruda. Foto: Agência Câmara

    “Precisamos investir muito neste setor e a construção de um centro de convenções em Curitiba é o primeiro grande passo para atrairmos grandes eventos para a nossa cidade e Estado”, diz João Arruda.
    Foto: Agência Câmara

    Curitiba precisa entrar urgentemente no mercado global de eventos. “Estamos deixando de participar de um segmento em franca expansão em todo o mundo”, afirma o deputado federal João Arruda (PMDB-PR), membro titular da Comissão de Turismo e Desporto (CTD) da Câmara Federal.

    Na avaliação de João Arruda, só a construção de um centro de convenções pode dar vazão a esta tendência e transformar Curitiba na capital nacional dos eventos.

    A manifestação do deputado tem como base os dados divulgados esta semana pela Associação Internacional de Congressos e Convenções (ICCA, sigla em inglês).

    Os números divulgados pela entidade constatam que os eventos movimentam quase R$ 2 bilhões ao ano em Brasília, tendo como eixo central o centro de convenções da capital do país.

    “A expectativa do setor, para este ano, é de um crescimento superior a 30%”, frisou o deputado.

    De acordo com a ICCA, com o aumento, Brasília conquistou a terceira posição no ranking da entidade, ficando atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro.

    “Curitiba tem uma localização estratégica dentro do Mercosul, temos no Paraná atrações internacionais como as Cataratas do Iguaçu e não exploramos este potencial até agora”, destacou João Arruda.

    Os números envolvendo o setor de eventos em Brasília, ainda segundo João Arruda, mostram a urgência de se investir neste setor para movimentar a economia e gerar empregos diretos e indiretos.

    “O Distrito Federal tem aproximadamente 120 empresas especializadas em organização de eventos e outras 500 prestadoras de serviços”.

    Juntas, estas empresas geram mais 10 mil empregos diretos e milhares indiretos. “A cidade está sempre cheia”, destaca reportagem do jornal Correio Braziliense.

    O crescimento no número de encontros mundiais na capital em 2012 foi de 69% quando comparado ao ano anterior.

    “Precisamos investir muito neste setor e a construção de um centro de convenções em Curitiba é o primeiro grande passo para atrairmos grandes eventos para a nossa cidade e Estado”, concluiu João Arruda.

     

    Publicado por jagostinho @ 16:21



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.