Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 16maio

    FOLHA.COM

    ROSE INFLUENCIAO Ministério Público Federal acredita já ter elementos suficientes para acusar Rosemary Noronha, ex-chefe no escritório da Presidência em São Paulo e amiga íntima do ex-presidente Lula, de tráfico de influência, segundo a Folha apurou.

    Tráfico de influência é quando funcionário público solicita ou obtém alguma vantagem para si.

    Ela deve ser alvo de uma ação de improbidade por ter usado o posto para ajudar o ex-senador Gilberto Miranda a obter licenças para usar duas ilhas no litoral paulista, de acordo com a Operação Porto Seguro.

    A ajuda de Rose foi recompensada com um cruzeiro (R$ 2.500), uma Mitsubishi Pajero TR4 (R$ 55 mil), uma cirurgia no ouvido (R$ 7.500) e móveis para a filha (R$ 5 mil).

    Essa ação, na área cível, deve ser acompanhada de um pedido de bloqueio de bens. O bloqueio visa ressarcir os eventuais prejuízos que a ajuda possa ter causado à União.

    Na Justiça criminal, Rose já é ré. Ela responde a um processo por formação de quadrilha, enriquecimento ilícito e tráfico de influência.

    Na última segunda-feira a Justiça federal decretou o bloqueio de R$ 19 milhões de dez funcionários públicos investigados na Porto Seguro.

    Eles são acusados de ter fraudado pareceres para beneficiar o empresário César Floriano na exploração de um terminal no porto de Santos, o Tecondi. O terminal foi vendido por Floriano no ano passado por R$ 1,3 bilhão.

    O procurador José Roberto Pimenta Oliveira queria o bloqueio de R$ 38 milhões, mas o juiz achou “excessiva” a multa que ele queria impor.

    O maior valor bloqueado, de R$ 1,3 milhão, foi de José Weber Holanda, que era o número dois da AGU (Advocacia Geral da União). Ele é acusado de ter escrito um parecer a favor do empresário.

    A Tecondi ganhou em 1998 uma licitação para explorar uma área no porto de Santos que requeria investimentos de R$ 70 milhões.

    Sem uma nova concorrência, o terminal foi transferido para uma área menor, mas os investimentos exigidos eram muito mais baixos.

    O Tribunal de Contas da União reprovou as mudanças. Foi para evitar a perda da área que César Floriano teria pago propinas a um auditor do TCU, segundo a PF.

    A Justiça bloqueou R$ 2,4 milhões dos irmãos Paulo e Rubens Vieira, acusados de liberar a suposta quadrilha.

    O ex-auditor do TCU Cyonil Borges, que recebeu R$ 100 mil do grupo e depois delatou o esquema à PF, teve bloqueados R$ 846 mil.

    O advogado de Borges, Rodrigo Felberg, diz que a decisão é “absurda”.

    “Ele não tem nem apartamento e ajudou a PF a fazer a investigação”. Outros advogados não quiseram se pronunciar.



    Publicado por jagostinho @ 09:25



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • tadeu rocha Disse:

    SE ACONTEÇER ISSO PARABENS,PARA NOSSA JUSTIÇA, SER FOR O LULA OU QUALQUER PESSOA TEM QUE FAZER INVESTIGAR CHEGA DE ROBALHEIRA NO BRASIL, SR ESMAEL VOCE VIU O LULA GASTANDO O DINHEIRO DO POVO, PORQUE VOCE NAO COLOCA NO TEU BLOG, VOCE É PT, NAO PODE FALAR A VERDADE NAO É ESMAEL, AGORA VOCE ESMAEL ESTA PEGANDO NO PÉ DO RATINHO,SE VAI FICAR NO LUGAR DO BETO , PRINCIPALMENTE VOCE NAO TEM NADA COM ISSO, A DOR DE COTOVELO ESTA DOENDO EM ESMAEL , FALE COISAS VERDADEIRAS EM SEU BLOG, SE NAO VOCE VAI PERDE MUITO TODOS VAO SAIR, VOCE SÓ FALO DO PT.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.