Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 12jan

    REUTERS

    O vice venezuelano, Nicolás Maduro, chegou na tarde desta sexta-feira a Cuba, onde pretende visitar Hugo Chávez e os familiares dele, além de conversar com os presidente Cristina Kirchner (Argentina) e Ollanta Humala (Peru).

    Maduro foi recebido no aeroporto internacional de Havana pelo chanceler da ilha, Bruno Rodríguez, conforme informações da agência oficial de notícias Prensa Latina.

    Cristina chegou a Cuba na manhã desta sexta-feira para ver o presidente venezuelano. Maduro a chamou de “irmã de batalhas e de lutas das mais valentes” de Chávez. Pelo Twitter, ela contou que levou uma Bíblia de presente ao venezuelano.

    Em entrevista a Rádio Unión nesta sexta-feira (11), o ministro da Informação e Comunicação, Ernesto Villegas, disse que Chávez tem consciência de sua situação e que está em contato com sua equipe de governo e com seus familiares.

    “Não podemos cair na armadilha de pensar que a Venezuela não tem um presidente. Quando um presidente está dormindo, segue sendo presidente”.

    Chávez está hospitalizado desde 11 de dezembro, quando foi submetido à sua quarta cirurgia em um ano e meio para o tratamento de um câncer na região pélvica.

      Carlos Garcia Rawlins/Reuters
    Nicolás Maduro discursa durante festa de apoio a Hugo Chávez, em Caracas
    Nicolás Maduro discursa durante festa de apoio a Hugo Chávez, em Caracas

     

    Maduro, que foi escolhido por Chávez como seu candidato à sucessão se ele deixar definitivamente o poder, segue no cargo e no comando do país.

    O mais novo mandato chavista, conquistado nas eleições de outubro passado, começou nesta quinta (10), mesmo sem a formalização da posse, conforme entendimento do Tribunal Supremo de Justiça.

    Para marcar a data, os chavistas deram uma grande festa, no centro de Caracas.

    Para a oposição, Maduro não possui legitimidade para continuar ocupando a Presidência porque, na Venezuela, o vice não é eleito, mas apontado pelo presidente.

    Para o TSJ, porém, a posse pode ser adiada por haver continuidade entre um mandato e outro e, portanto, permanecem também nos cargos o vice e o gabinete de Chávez.

    SAÚDE

    Segundo o último boletim médico, divulgado na noite de segunda (7), Chávez está em “situação estável” em relação à insuficiência respiratória que teve após uma infecção pulmonar.

    Em cadeia de rádio e televisão, o ministro da Comunicação venezuelano, Ernesto Villegas, leu um breve comunicado oficial no qual lembrou a “infecção pulmonar sobrevinda no curso do pós-operatório” e assegurou que “o tratamento vem sendo aplicado de forma permanente e rigorosa”.

    Ele disse que pretende manter informada a população venezuelana sobre o presidente, no poder desde 1999, e pediu aos venezuelanos que ignorem as mensagens da “guerra psicológica que pretendem perturbar a família venezuelana”.



    Publicado por jagostinho @ 18:13



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.