Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 05dez

    GAZETA DO POVO/ANDRÉ PUGLIESI

    O secretário estadual para Assuntos da Copa, Mario Celso Cunha, em depoimento na CPI nesta terça-feira – Foto:- Marcelo Elias / Gazeta do Povo

    A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre as obras da Copa do Mundo de 2014 em Curitiba recebeu nesta terça-feira (4) Mario Celso Cunha, secretário estadual do Mundial.

    Em pouco mais de uma hora, na Assembleia Legislativa do Paraná, ele defendeu que apenas o Corredor Metropolitano – que compreende 79 km de vias entre Colombo e Araucária – será finalizado depois do prazo, em dezembro de 2013.

    “É o nosso calcanhar de Aquiles. Mas para não perder o recurso passamos do PAC da Copa para o PAC da Mobilidade, e aí poderemos entregar em 2014, antes do Mundial”.

    O representante do governo estadual fez uma longa explanação sobre os benefícios do evento para o estado e garantiu que as obras de mobilidade, apesar de atrasadas, serão concluídas a tempo.

    “O nosso problema [para o atraso] é a liberação de recursos por parte da Caixa Econômica Federal. É muita burocracia. Qualquer [falta de] documento e tudo volta à estaca zero. Tem aumento de valores, por causa dos insumos. Tem obra em atraso, mas elas vão ficar prontas em 2013”, afirmou Cunha.

    A pergunta partiu do presidente da CPI, o deputado Fábio Camargo. “Fiquei tão satisfeito com as explicações que vou convidar o secretário Mario Celso Cunha para que ele faça essa explanação a todo parlamento”, declarou.

    A lentidão tem incomodado o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TC-PR). De acordo com um relatório do órgão, as 12 obras de infraestrutura incluídas no PAC da Copa estão demorando mais do que o previsto – e duas delas foram paralisadas pelo governo federal. Os custos estão estimados em R$ 982,1 milhões.

    “Tem procedimento [as cobranças]. O Fernando [Guimarães, presidente do tribunal] é um idealista. Faz questionamentos na Arena mesmo sendo atleticano, cansei de ver ele no estádio. É ético e responsável”, finalizou Cunha.

    O próximo convidado da CPI será Juraci Barbosa, presidente da agência Fomento Paraná.



    Publicado por jagostinho @ 12:22



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.