Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 28mar

    Gazeta do Povo

    As regalias que os secretários estaduais Durval Amaral e Luiz Claudio Romanelli

    Durval e Romanelli - licença com vantagens

    ainda desfrutam na Assembleia Legislativa do Paraná, da qual se licenciaram dos cargos de deputado, são únicas no Brasil.

    Os dois, apesar de fazerem parte do Executivo, mantêm seus gabinetes e 19 funcionários no Legislativo, a um custo anual de pelo menos R$ 417,6 mil em salários – valor que pode até dobrar, caso sejam pagas gratificações.

    Em nenhuma das outras 26 assembleias legislativas do país foram localizados gabinetes montados para quem assumiu alguma secretaria.

    Segundo levantamento feito pela reportagem, cerca de 50 deputados estaduais estão nesta situação.

    Na Câmara Federal, da qual se licenciaram 46 parlamentares, também não é permitida a manutenção de gabinetes.

    Além disso, Amaral e Romanelli ainda utilizam a verba de ressarcimento da atividade parlamentar, que subsidia gastos típicos do mandato.

    A cota de cada parlamentar é de R$ 15 mil mensais, sendo que o saldo não utilizado pode ser aproveitado nos meses seguintes.

    Em janeiro e fevereiro, os dois gastaram juntos quase R$ 48 mil com combustível, telefonia, refeições e gráficas.

    Ao longo deste ano, se eles mantiverem a média de gastos, vão pedir o ressarcimento de R$ 298,8 mil — mas esse valor, pela lei, pode chegar a até R$ 360 mil.

    Somando a verba de gabinete e os salários dos funcionários, o custo da estrutura dupla dos secretários será de pelo menos R$ 716,4 mil. Isso se não for paga nenhuma gratificação extra, o que pode até dobrar os salários.

    O valor representa um gasto duplo porque as cadeiras de Durval e de Romanelli na Assembleia foram ocupadas pelos suplentes Duílio Genari (PP) e Elton Welter (PT), respectivamente — Welter deixou a vaga por decisão da Justiça para Gilberto Martin (PMDB).

    Ou seja, a Assembleia Legislativa, que tem 54 deputados, está usando dinheiro público para manter 56.

     



    Publicado por jagostinho @ 10:41



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

5 Respostas

WP_Cloudy
  • Míriam Disse:

    JÁ ESCUTEI EM VÁRIOS AMBIENTES PESSOAS CHAMANDO O ROMANELLI DE “ROUBANELLI”.
    ELE NÃO ESTÁ CUIDANDO DA PRÓPRIA IMAGEM…..

  • Sérgio Disse:

    Se não são deputados não podem receber como deputados. Já recebem como secretários. Aja Ministério Público!

  • Tarciso Disse:

    Mas nós paranaenses merecemos. Nós é que colocamos esses malandros aí. Só mudaria o dia que a juventude entrasse lá e quebrasse tudo. Mas nem para isso mais servem os nossos jovens. País sem futuro. Desisti.

  • Tina Disse:

    Chique, né? Só no Paraná que tem vergonheira ! E posam de vestais da moralidade. Canalhas. Todos. Não há exceção não !

  • SYLVIO SEBASTIANI Disse:

    Caso único por caso único, aqui também na Assembléia Legislativa, tem mais um caso Único.”5a. SECRETARIA”. No Senado Federal e Câmara Federal não tem, no Rio Grande do Sul, com mais deputado, “não” tem e Santa Catarina, também não Tem.Quanto custa para a Assembleia por mês para manter a 5a.Secretaria? Bem, quem paga é o povo e ninguém sabe que lá existe a 5a. Secretaria e nem quem é 5° Secretário, que tem Gabinete, funcionários, cafezinho, telefone.Chefe de Gabinete e Verba de representação entre outras coisinhas mais.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.