Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 06out

    GAZETA DO POVO

    O Ministério Público do Paraná (MP-PR) emitiu nota nesta terça-feira (5) informando que o Tribunal de Justiça da Paraná condenou o atual prefeito de Palmas, Hilário Andraschko (foto), e o ex-diretor de Saúde do município, Kosmos Panayotis Nicolaou, por ato de improbidade administrativa em razão de acumulação de cargos.

    A determinação atende ação civil pública proposta pela Promotoria de Justiça de Palmas, na região Sul do Paraná.

    Nicolaou foi processado porque estaria exercendo três cargos. Além de diretor do Departamento de Saúde de Palmas, ele era médico das prefeituras de Pato Branco e Palmas e estava sendo remunerado por esses cargos, segundo o MP-PR.

    Já o prefeito foi processado por “estar conivente com essa irregularidade”. A decisão é da 4ª Câmara Cível do TJ-PR.

    Em nota, os desembargadores sustentam que “há impossibilidade de acumulação de cargos públicos.

    Excepcionalmente, no caso do apelado Kosmos Nicolaou, por se tratar de profissional de saúde, revela-se possível a acumulação de dois cargos, com compatibilidade de horários, estando regular sua situação quando acumulava os cargos de médico em Palmas e Pato Branco”.

    Os desembargadores condenam a acumulação de cargos públicos e ressaltam que a prática tem a expressa vedação constitucional.

    “Desta forma, inconteste a ilegalidade do ato administrativo que nomeou Kosmos Nicolaou ao terceiro cargo, de diretor do Departamento de Saúde, havendo ofensa aos princípios que regem a administração pública, como a moralidade, eficiência e indisponibilidade do interesse público, constatando-se seu enriquecimento ilícito ao receber, do Poder Público, vencimentos a este título”, diz a nota.

    O ex-diretor foi condenado pelo TJ-PR a devolver os vencimentos que teria recebido no período que manteve os três cargos (janeiro a julho de 2001). Ele e o prefeito também devem pagar as custas do processo.

    Publicado por jagostinho @ 14:32



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

3 Respostas

WP_Cloudy
  • antonio valdomiro pontes oliveira Disse:

    Eu gostaria de deixar meu comentario sobre esse assunto o verdadeiro cuplapdo neste caso é o prefeito Hilario Andrako que é o prefeito e advogado ele tem conhecimneto do cas acho injusto a condenaçao do dr.Kosmos pois o mesmo é medio e nao tinha conhecimento do fato de ser nomeado secretario de saude na verdade o dr.Kosmos trabalhou e recebeu e nao merece ser condenado por uma açao que ele foi nomeado ele na verdade nao roubou de ninguem e agora o dr.Kosmos esta inelegivel na verdade o dr.tem entrar com uma liminar para concorrer a prefeito de palmas. gostaria de receber comentarios sobre o caso de algum advogado especialista eleitor por genteleza deixe contato ok abraço aguardo alguma resposta.

  • antonio valdomiro pontes oliveira Disse:

    NA verdade o grnade injustiçao é o dr,Kosmos que nao roubou de ninguem e esta inelegivel por açao do prefeito hilario que é advogado na verdade o grande culpado é ele o hilario pois o mesmo é advogado gostaria que alguem comentace sobre o caso o dr.kosmos nao merece pois o mesmo nao é advogado e sim é medico e nao tem conhecimento do fato o prefeito que nomeu ele e agora o dr.kosmos esta inelegivel.

  • antonio valdomiro pontes oliveira Disse:

    OLA COMPANHEIRO VOU DEIXAR MEU COMENTARIO QUE OS DESEMBARGADORES DIZ QUE O DR.KOSMOS FICOU RICO ILICIDAMENTE NESTE CASO O DR.KOSMOS TRABALHOU DE JANEIRO A JUNHO DE 2001 E O VALOR PARA UM MEDICO NA CATEGORIA DO DR.KOSMOS É IRRIZONHO NA MINHA OPINIAO O VALOR ´8.000.00 MIL REIAS UM MEDICO QUE GANHA EM UMA SEMANA NO CONSULTORIO UMA MEDIA DE 10.000.000 REIAS NAO TERIA PORQUE ROUBAR DO MUNICIPIO DE PALMAS UM VALOR DESTE NA VERDADE ELE TRABALHOU E RECEBEU E FICA INELIGIVEL POR UMA AÇAO QUE O PREFEITO HILARIO ANDRASKO TEM CONHECIMENTO POIS O MESMO É ADVOGADO IMAGINA UM MEDICO NAO TEM CONHECIMENTO E SIM O PREFEITO PELO MENOS QUE É ADVOGADO E TEM ESCRITORIO DE CONTABILIDADE GOSTARIA QUE ALGUM ADVOGADO ELEITORAL DEIXE ALGUM COMENTARIO NO CASO E ENTRE EM CONTATO COMIGO PELO MEU EMAIL OK
    OU POR MEU TELEFONE 046-99156092 OU 84130633 ANTONIO PONTES.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.