Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 01out

    OSMAR DIAS 12 GOVERNADOR

    O candidato do PSDB, Beto Richa, continua tentando impedir a divulgação de todas as pesquisas eleitorais no Paraná.

    Nesta quinta-feira (30), ele entrou com pedido de proibição da pesquisa Alvorada/Rede Massa.

    A consulta, registrada sob número 22.945/2010 estava em campo desde segunda-feira (27) e iria ser divulgada provavelmente nesta sexta-feira (01). O pedido de Beto será analisado pelo juiz Juan Sobreiro.

    A impugnação desta pesquisa também foi pedida pelo candidato do PRTB, Robinson de Paula, mas já negada pela Justiça Eleitoral.

    Desde o dia 16 de setembro, quando o instituto Datafolha apontou o empate técnico nas intenções de voto, Beto Richa não permitiu a publicação de mais nenhuma pesquisa.

    A atitude antidemocrática de Beto Richa, que vem tornando o Paraná o único estado brasileiro sem pesquisas eleitorais, provocou nesta semana uma reação em cadeia nacional de instituições democráticas como a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e ANJ (Associação Nacional dos Jornais).

    A ANJ declarou nesta quarta-feira (29) que a proibição da divulgação de pesquisas eleitorais se trata de “censura prévia e violação ao princípio da liberdade de expressão assegurada pela Constituição Federal”.

    O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, considerou que a atitude de Richa prejudica a democracia.

    “É um prejuízo grande para a democracia e para o fortalecimento do próprio processo eleitoral. A transparência é essencial em todos os segmentos da nossa vida”, afirmou, em entrevista ao Jornal Nacional.

    O protesto se estendeu à imprensa nacional e se propaga em sites internacionais de notícias. A edição desta quarta-feira do Jornal Nacional, da Rede Globo, dedicou 2min05 de reportagem a respeito do cerceamento da informação ao eleitor provocada por Richa.

    O jornal Folha de São Paulo, em artigo do jornalista Fernando Rodrigues, classificou a proibição de pesquisas por Richa como censura, e um exemplo do “atraso mental no meio político brasileiro quando se trata de conviver com as diferenças ou más notícias”.

    Nesta quinta-feira (30), o jornalista Josias de Souza também da Folha de São Paulo, em seu blog afirmou que:

    “Sob a plumagem de Richa escondia-se um totó insuspeitado”, lembrando que, enquanto o PSDB nacional tenta afirmar que o PT quer controlar os meios de comunicação, Beto censura as pesquisas no Paraná.

    “De duas uma: ou o PSDB interrompe o lero-lero em defesa da liberdade de imprensa ou segura o totó do Paraná”, afirma Josias.

    Desde que perdeu a liderança nas intenções de voto, a coligação de Richa já proibiu duas pesquisas Datafolha, duas do Ibope, uma do Vox Populi e uma do Instituto Brasil.

    Mas enquanto proíbe as consultas dos maiores institutos brasileiros, Beto também divulgou via email oficial de campanha (domínio @betoricha.com.br), mensagens com supostas “pesquisas internas”.

    Por isso já foi multado em R$ 300 mil pelo Tribunal Regional Eleitoral.

    Publicado por jagostinho @ 01:23



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

3 Respostas

WP_Cloudy
  • Vandixon Richard Delemos Disse:

    Fiquei decepcionado com essa atitude do Beto Richar. E o problema não é saber quem está errado. Errado é ao mesmo tempo que o Beto Richa requereu a impugnação da divulgação das pesquisas, alardeia em sua propaganda os resultados de pesquisas anteriores que lhe são favoráveis, dos mesmos institutos, com as mesmas metodologias e amostras que agora coloca em suspeição, só porque estas podem lhe ser desfavoráveis. Ou seja, quando é bom é meu, quando é ruim é dos outros? O que é isso, temos que ter um mínimo de senso ético. Sou operador do direito, mas não se pode utilizar o direito, a lei e a justiça para ganhar de qualquer jeito. Ninguém é tão alienado para acreditar que foi apenas a justiça (TRE) que tomou a decisão por si só. O TRE foi instado para impugnar a divulgação das pesquisas pela candidato Beto Richa. E pior, vir de pronto, à frente das câmeras dizer que não sabia, que estava viajando, que o Coordenação Jurídica tinha procuração para tomar decisão, é o cúmulo. Portanto, entre palavras e ações, eu acredito nas ações, porque é na execução que descobrimos a verdade, as máscaras caem. Dessa forma, utilizando esse exemplo prático do Beto Richa, se houver problemas de corrupção, má-gestão ou improbidade na administração do seu governo ele vai usar essa desculpa também? Absurdo. Fiquei decepcionado. Por isso fica difícil acreditar em todas as demais propostas quando se aplica esse jeitinho degradante pautado por um peso e duas medidas. É nesse contexto que entendo as críticas da sociedade civil organizada. Mas nada como os votos na urna para se comprovar ou não as famigeradas pesquisas. E por falar nelas:

    Se as pesquisas no Paraná para Governador não fossem impugnadas pelo candidato Beto Richa, será que seriam esses os resultados?

    INSTITUTO A
    Osmar Dias (PDT) 46%
    Beto Richa (PSDB) 41%
    Indecisos 9%
    Brancos/Nulos 3%
    Outros 1%

    INSTITUTO B
    Osmar Dias (PDT) 45%
    Beto Richa (PSDB) 41%
    Indecisos 10%
    Brancos/Nulos 4%
    Outros 0%

    INSTITUTO C
    Osmar Dias (PDT) 48%
    Beto Richa (PSDB) 40%
    Indecisos 8%
    Brancos/Nulos 4%
    Outros 0%

  • Valmor Stédile Disse:

    E se a tática tucana de censurar (TODAS) as pesquisas, estabelecendo esta cortina de fumaça sobre as campanhas e condições das disputas majoritárias (Governo do Estado e vagas ao Senado), for apenas parte de uma grande fraude eleitoral?

  • jones Disse:

    Mas agora nos resta aguardam as cinco da tarde do dia 03 de outubro
    e ver o extraordinário resultaddo a favor de Osmar. Vamos chopinzinho Vamos Parana.
    que deus o Ilumine a todos.

    concordo com o resultado do Vandixon esse é o resultado mas sera bem maior
    aguardem.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.