Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 22set

    G1.GLOBO.COM

     

    Da saúde à educação: veja o que Ratinho Junior (PSD) propõe para o Paraná em cinco áreas

     

    G1 conversou com candidatos ao Governo do Paraná e abordou temas escolhidos por votação: saúde, segurança, emprego, universidades públicas e educação.

     


    Ratinho Junior é candidato ao Governo do Paraná pelo Partido Social Democrático (PSD) — Foto: Giuliano Gomes/PRPressRatinho Junior é candidato ao Governo do Paraná pelo Partido Social Democrático (PSD) — Foto: Giuliano Gomes/PRPress

    Ratinho Junior é candidato ao Governo do Paraná pelo Partido Social Democrático (PSD) — Foto: Giuliano Gomes/PRPress

     

    O G1 entrevistou os cinco candidatos ao Governo do Paraná melhores colocados na Pesquisa Ibope de intenção de voto.

    Nesta sexta-feira (21), Ratinho Junior (PSD) explica o que propõe para o Paraná para os próximos quatro anos.

    Os temas abordados com os candidatos foram escolhidos em uma enquete, que apresentou 15 assuntos para escolha do público. O resultado da votação apontou que as áreas consideradas prioridade para o próximo governo são:

    1. Educação – 23,23%
    2. Segurança – 22,67%
    3. Saúde – 13,71%
    4. Emprego – 9,79%
    5. Universidades públicas – 8,21%

    Educação

    “Na área de educação, nós vamos implantar alguns programas importantes. Primeiro, dando segurança para o entorno das escolas, com o projeto Escola Segura, trazendo os policiais da reserva para ficar na porta de cada escola.

    Vamos cuidar da parte nutricional. Ao invés de dar uma refeição por período para os alunos, nós daremos três, porque nós temos jovens que vão com fome para a escola por serem de famílias humildes e que, obviamente, uma pessoa com fome não se concentra e não aprende direito.

    Valorização dos nossos professores, com o PDE. O PDE, que é o Plano de Desenvolvimento Educacional, nós vamos retomar esse plano que é importante para os nossos professores, qualificação permanente.

    As licenças-prêmios, que também são importantes para os nossos professores, e vamos implantar o projeto Ganhando o Mundo, em que os melhores alunos de escola pública vão fazer intercâmbio internacional nos Estados Unidos, na Inglaterra, no Canadá ou na Espanha, países de língua inglesa ou espanhola, para poder aprender uma segunda língua e conhecer um país de primeiro mundo para ajudar com que o Paraná possa ser um estado de primeiro mundo também em algum momento.

    E também o Ganhando o Mundo Professor: os melhores professores vão fazer intercâmbio para conhecer novos métodos educacionais que têm dado certo no mundo todo.

    Também, obviamente, fazer uma implantação na melhoria das escolas. O Paraná precisa modernizar suas escolas e o nosso compromisso é fazer uma parceria de fazer reparos, modernizar e melhorar o ambiente escolar”.

    Segurança

     

    “Segurança pública, no mundo todo, se faz com duas medidas. Primeiro, a presença física dos nossos policiais, em especial os policiais militares que estão no dia a dia fazendo a prevenção nas ruas.

    Então, qualificar de forma permanente esses policiais, com treinamento, bons equipamentos, obviamente, remuneração em dia para que eles estejam sempre motivados, e também atrelar tecnologia.

    Vou criar a cidade da polícia. Nós vamos fazer um centro de planejamento de inteligência de segurança pública do estado do Paraná, que hoje não tem.

    Hoje as polícias trabalham de maneira solta, sem se conversarem de uma forma permanente.

    Nós vamos colocar ali Bombeiros, polícia rodoviária militar, Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Federal, Exército, para ajudar a cuidar das nossas fronteiras.

    Vamos implantar o projeto Olho Vivo, que são centrais de monitoramento regionais, o projeto Muralha, que é uma linha tecnológica que nós vamos implantar nas fronteiras do nosso estado, já que o Paraná, lamentavelmente, recebe muito contrabando de cigarro, contrabando de armas.

    Inclusive, 80% das armas do crime organizado entram pelas estradas paranaenses e esse monitoramento tem que ser um monitoramento muito firme, feito nas fronteiras, com tecnologia.

    O projeto Escola Segura, em que nós vamos trazer os policiais da reserva para ficar na porta de cada escola pública para dar segurança para os pais, para os alunos e para os professores”.

    Saúde

    “Sobre saúde, é importante a gente registrar que o governo do estado pode colaborar, em especial, na atenção primária, que são os postinhos de saúde e as Unidades Básicas de Saúde.

    Quem tem a responsabilidade é o município, mas é importante o estado entrar com qualificação do atendimento desse servidor que presta o serviço nesses postinhos.

    Por quê? Porque com um bom atendimento primário, você evita a superlotação nos hospitais.

    Então, nós temos que, através do governo do estado, poder colaborar com essa qualificação permanente, em especial nas cidades menores, que não têm condição de dar treinamento periódico para esses profissionais.

    Vamos criar a quinta macro região da saúde, que vai atender a região de Guarapuava, Campos Gerais e Irati, para descentralizar a saúde do nosso estado, evitando que hajam grandes deslocamentos de pessoas para se tratar.

    Potencializar a parceria de investimento na área de custeio dos nossos hospitais, em especial os hospitais filantrópicos e as Santas Casas espalhadas pelo estado, que atendem 60% já dos nossos internamentos, e também vamos criar centros de especialidades.

    Hoje, muitas vezes, a pessoa vai longe para ter uma consulta com um ortopedista, com cardiologista, um oftalmologista. Nós vamos criar centros regionais para poder facilitar a vida da pessoa que precisa de uma consulta de especialista”.

    Emprego

     

    “O Paraná é o maior produtor de alimentos por metro quadrado do planeta. Ninguém produz tanto como nós produzimos por metro quadrado no campo.

    Nós podemos fazer dessa produção que acontece na zona rural uma fonte de geração de emprego muito forte, através da indústria de transformação de alimentos, que é pegar o milho que é produzido no campo, transformar em ração, de ração vir para o frango, do frango ele vira hambúrguer, nuggets, e isso faz com que haja uma industrialização no nosso estado, e esse produto possa ser vendido num valor agregado muito maior para o exterior, e esse dinheiro fica aqui.

    Isso potencializa o nosso comércio e potencializa nossa indústria.

    Vou fazer uma rediscussão com a substituição tributária, hoje, para atender o pequeno e médio comerciante, que geram 63% dos empregos do estado, fazer um investimento na parte de inovação das startups para procurar colaborar com a geração de emprego para os nossos jovens, qualificando, inclusive, a educação técnica para os nossos jovens através de parceria com o Sesc, com o Senac, para que esse jovem possa sair da escola e já ter uma profissão, já ter um encaminhamento, e ter mais facilidade para procurar emprego.

    Mas, acima de tudo, também, potencializar o nosso turismo, que atende o setor de serviços e que gera muito emprego no mundo. O Paraná vai ser uma referência de turismo para o Brasil”.

    Universidades Públicas

     

    “O ensino superior, as nossas universidades do estado do Paraná, é um patrimônio do paranaense. É um ativo que nós temos de importante, de pessoas intelectuais, preparadas, doutores, mestres que estão ali e que colaboram para o desenvolvimento do nosso estado.

    Nós queremos modernizar ainda mais as nossas universidades, inclusive, convocando elas para que possam ajudar no desenvolvimento econômico, social e regional do nosso estado.

    Nós vamos criar as agências regionais de desenvolvimento socioeconômico através das universidades e da sociedade civil organizada, para que nos ajudem a pensar o Paraná de forma regional, porque o Paraná é dividido em vários ‘Paranás’ dentro do nosso estado, cada um com a sua vocação cultural, econômica e assim por diante.



    Publicado por jagostinho @ 12:32



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.