Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 29mar

    DEMOCRACIA PARANÁ

    Hoje, dia 29 de março, Curitiba completa 322 anos de idade. Mas será que temos motivos para comemorar a data?

    Pois lhes respondo: não, não temos motivos para comemorar, infelizmente.

    Nossa cidade é comandada por um prefeito tartaruga, que desde quando assumiu, pouco fez pela cidade.

    Abaixo citarei algumas razões para não termos motivos para comemorar a data de hoje:

    1) O fim da Rede Integrada de Transporte, que beneficiava milhares de Curitibanos e moradores das cidades da Região Metropolitana

    Desde o fim de janeiro, temos visto a desintegração da RIT, o sistema integrado que permitia um morador de uma cidade da RMC vir para Curitiba pagando somente uma passagem.

    No início de fevereiro, linhas como a Colombo/CIC (transportava 35,8 mil passageiros/dia), Barreirinha/São José dos Pinhais (17,5 mil passageiros/dia), Curitiba/Araucária (19,9 mil passageiros/dia) e Campo Largo/Curitiba (8,1 mil passageiros/dia), foram encurtadas e re-divididas, fazendo com que quem vem das cidades da RMC tenham que pagar duas passagens.

    E como se não bastasse, neste final de semana, quem mora em Fazenda Rio Grande e precisar vir à Curitiba nos sábados a tarde, nos domingos e feriados, terá que pegar mais ônibus (e gastar mais tempo de viagem), pois a linha Curitiba/Fazenda Rio Grande, deixará de funcionar neste período.

    2) Atrasos em algumas obras, como a do Terminal do Santa Cândida

    A reforma do Terminal do Santa Cândida, que deveria estar pronta para a Copa do Mundo de 2014, ainda não foi concluída e teve o seu término adiado mais uma vez.

    No dia 13 deste mês, a Secretaria Municipal de Obras Públicas (SMOP) anunciou que a obra não estaria pronta no prazo definido anteriormente, que era o dia de hoje.

    O novo prazo agora é o final do primeiro semestre desse ano, ou seja, o sofrimento continua para os 40 mil que utilizam o terminal diariamente.

    Foto de Gerson Klaina, da Tribuna do Paraná

    E já que estamos falando em obras, não custa lembra da reforma no Bosque Gomm, cuja planta foi anunciada pela Prefeitura no último dia 21.

    O movimento “Salvemos o Bosque da Casa Gomm” reclama da lentidão para o início das obras.

    Pelo jeito será mais uma obra que a Tarta…ops, a Prefeitura de Curitiba irá atrasar a entrega.

    3) Obras entregues “nas coxas”

    Outro problema pelo qual nossa cidade tem passado e um exemplo vivo disso é a João Gualberto.

    Desde que o desalinhamento dos tubos, para que o Ligeirão Norte pudesse estar rodando, foi entregue em 2013, o asfalto apresenta buracos e “barrigas”.

    Mal havia sido inaugurada a obra e o asfalto já apresentava problemas naquele trecho.

    E até hoje o máximo que fazem são medidas paliativas, que não duram mais do que alguns dias.

    Foto de Renato Kiche
     
     
     
    4) A falência da FAS e o agravamento dos problemas sociais da cidadeDesde que a sede da FAS, que ficava na rua Conselheiro Laurindo, deixou de funcionar, aumentou-se o número de moradores de rua espalhados pelas ruas da cidade.

    Um problema que foi agravado pelo atual prefeito, que parou de investir como deveria na FAS, o que ocasionou o fechamento da sede 24hrs.
    Desde o governo Beto Richa (2005-2009), quando fecharam a Fazenda Solidariedade, que abrigava moradores de rua e que foi criada na gestão de Rafael Greca (1993-1997), é que este problema aumentou.
    E foi agravado pela gestão atual.

    Como está hoje (do lado esquerdo) e como era (do lado direito). Foto: Margarita Sansone.
    Moradores de rua espalhados pelo centro da cidade. Foto: Margarita Sansone.
    5) Curitiba é o “Triângulo das Bermudas” quando se trata de encomendas vindas de fora do país
     
    Você sabia que, quando se trata de encomendas vindas de fora do país, como da China, por exemplo, Curitiba é conhecida como “Triângulo das Bermudas”?
    Até esses dias, eu também não sabia. Mas é a verdade, nossa cidade, infelizmente, tem esta fama.
    Vejam o que o site Catraca Livre fala sobre o assunto:

    Pelo jeito, só Scooby-Doo para resolver este mistério… Foto: Catraca Livre

    E vejam só essa montagem que a Diva da Depressão postou no site dela:

     

    É para rir ou para chorar? Foto: Diva da Depressão.

     
    E agora, ela comentando sobre a situação:
    Pelo jeito só levando na zueira mesmo…
    Pelo jeito, só tirando um sarro mesmo, pois ao que parece a solução disso está longe de vir.
    Resta saber a razão pela qual justamente na CDD (Centro de Distribuição Domiciliar dos Correios) daqui de Curitiba é que acontecem esses problemas…
    Pois é, pessoal, resolvi fazer este post para que a gente reflita sobre a nossa cidade.
    E do fundo do meu coração, espero que a gente tenha motivos para comemorar o aniversário do ano que vem, porque neste ano infelizmente não temos motivo algum.


    Publicado por jagostinho @ 17:44



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • fernando rocha Disse:

    Esse Gustavo Fruet é o pior prefeito que Curitiba já teve em sua história como o Beto Richa o pior governador do Paraná, por culpa do Beto Richa que fechou o Fazenda solidariedade, que abrigava os moradores de rua, acabaram com a integração da RMC e os passageiros terão mais ônibus e chegar atrasados no trabalho. Já terminaram o Terminal do Santa Cândida ou continua a mesma enrolação de sempre? Cadê o Ligeirão Norte? Só desalinharam os tubos e deixaram buracos e barrigas na João Gualberto? Basta!!!!Curitiba cansou de obras paradas e enrolação

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.