Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 22dez

    Foto:- Daniel Castellano/ Gazeta do Povo

    Daniel Castellano/ Gazeta do Povo / Requião e Gleisi: no cenário em que os dois concorrem contra Richa, a petista está ligeiramente à frente do peemedebista, numa situação de empate técnico
    Requião e Gleisi: no cenário em que os dois concorrem contra Richa, a petista está ligeiramente à frente do peemedebista, numa situação de empate técnico

     

    Nova pesquisa para o governo do Paraná, na eleição de 2014, está estampada na Gazeta do Povo deste domingo.

    O Instituto Paraná Pesquisas responsável pelos números divulgados aponta resultados, em várias simulações, que mostram, claramente, quem é quem para o ano que vem.

    Nada que o mais mediano observador da política não reconheça com normalidade.

    Primeiro: Richa e Gleisi, em plena campanha, apesar de todos os possíveis desmentidos, são os mais citados nas entrevistas.

    A força de campanhas publicitárias, inaugurações de obras e entrega de equipamentos, os colocam como os dois primeiros colocados.

    Estranho seria se assim não fosse.

    Requião, o terceiro mais citado, mesmo sendo por três vezes governador do estado, sobrevive na mídia com suas tuitadas diárias e contundentes discursos na tribuna do Senado, mas que não conseguem, nem de perto, impactar contra uma mídia institucional intensa, pesada e cara (estadual de Richa e federal de Gleisi).

    Somado a isso o senador paranaense ainda tem seu partido, o PMDB, conturbado e desunido que, sem dúvida, causa sérios transtornos na sua caminhada eleitoral.

    A segunda observação, explícita por demais, é a a falta de expressividade do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, que não só não ajuda, como atrapalha, e muito a candidatura de Gleisi que contava com uma administração dinâmica e mais eficiente do seu aliado.

    Mas, com uma gestão anêmica, omissa e insossa e com popularidade despencando ladeira abaixo, provando que não tem vocação para ser um executivo, Fruet é responsável direto pela larga diferença de Richa para Gleisi.

    E, afinal, Curitiba e seu entorno, representam 1/3 do eleitorado paranaense.

    Outra obviedade: Pessuti não tem os votos que tanto apregoa e negocia.

    Está vendendo um produto que não possui.

    Mas, vamos aos principais destaques que compõem a pesquisa:

    Cenário 1 – com Requião

    Richa – 42%

    Gleisi – 23%

    Requião – 19%

    Barros – 4%

    Joel Malucelli e Rosane – 1%

    Cenário 2 – sem Requião

    Richa – 46%

    Gleisi – 27%

    Pessuti – 7%

    Barros – 5%

    Joel Malucelli e Rosane – 1%

    Conclusão final

    Sem Requião na disputa não teremos segundo turno.

    >>> O Paraná Pesquisas entrevistou 1.665 eleitores, entre os dias 12 e 16 de dezembro, em 75 cidades.

    A margem de erro é de 2,5 pontos porcentuais para mais ou para menos

    Em tempo – 1

    Números, sempre muito reveladores, da pesquisa espontânea:

    Richa – 15%

    Requião – 5%

    Gleisi – 3%

    Outros – 2% (todos que tiveram menos de 0,5%)

    Não sabem – 71% >>> demonstração explícita que o eleitor ainda não está focado nas eleições de 2014

    Ninguém – 3%

    Em tempo -2

    Para quem estranhou a ausência do nome de Ratinho Júnior na pesquisa, vai aí uma informação preciosa: Ele não será candidato nem a vice de Richa e nem a deputado federal.

    Será candidato a deputado estadual para pavimentar o caminho para ser prefeito de Curitiba em 2016.



    Publicado por jagostinho @ 09:32



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.