Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 23jul

    CONVERSA AFIADA/PHA

     

    Desde a cobertura no JN até lastimável apelação da Globo News, Globo tentou criar um desastre de proporções planetárias: o engarrafamento em que se meteu a comitiva do Papa.

    A Globo queria o pior !

    A GloboNews deixou isso claro !

    Pena que o pior não tenha acontecido, logo na chegada do Papa ao Brasil.

    Seria a irremediável condenação do Governo – o que, se depender a Globo ainda ocorrerá, enquanto o Papa estiver neste malsinado solo brasileiro, provisoriamente governado por petistas hereges.

    Bastava observar as imagens do alto para perceber que o Papa tomou a pista errada.

    Devia ter ido pela pista central da Avenida Presidente Vargas – São Paulo é a única metrópole brasileira que não tem uma “avenida Presidente Vargas” – totalmente desimpedida, à sua espera.

    A comitiva do Papa tomou a pista da direita, fechada pelos ônibus em fila, parados.

    Parados, provavelmente, porque não podiam atrapalhar o trânsito, para o Papa passar.

    Por que tomou a pista da direita ?

    Hipótese um: porque o motorista do Papa errou o caminho.

    Hipótese dois: porque o Papa quis ir ao encontro do povo.

    Diz o Globo que ninguém sabia de ante-mão o trajeto do Papa.

    É assim no mundo inteiro civilizado.

    Roteiro de autoridade não se compartilha com terroristas – ou piguistas (*), o que é, quase, a mesma coisa.

    O Papa Francisco é um acidente à espera de acontecer.

    Não usa o papamóvel blindado.

    Vai ao encontro da multidão sem guarda-costas.

    É um risco de segurança ambulante.

    É sua primeira viagem ao exterior.

    Tomara que, breve, ele caia na real e se proteja.

    Ninguém está livre de um louco, como o que atingiu o Papa João Paulo II, no Vaticano, no início de seu Papado, em 1981.

    Assim como ninguém está livre do desatino da Globo.

    Em tempo: enquanto o Papa estiver no Brasil, o ministro Gilberto Carvalho, alvo indefeso do PiG (*), poderia não falar sobre o que não sabe: por exemplo, sobre quem decidiu levar o Papa para a pista engarrafada da Presidente Vargas.

    Paulo Henrique Amorim

    (*) Em nenhuma democracia séria do mundo, jornais conservadores, de baixa qualidade técnica e até sensacionalistas, e uma única rede de televisão têm a importância que têm no Brasil. Eles se transformaram num partido político – o PiG, Partido da Imprensa Golpista.

    Publicado por jagostinho @ 15:26



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.