Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 14jul
    Geraldo, o carrasco dos Atletibas

    Geraldo, o carrasco dos Atletibas

    UOL FUTEBOL

    O angolano Geraldo voltou a aprontar no Atletiba. Carrasco do Atlético-PR, o atacante – que foi decisivo na decisão do Campeonato Paranaense com dois gols – brilhou mais uma vez e deu ao Coritiba a vitória de 1 a 0 sobre o rival, em duelo disputado na tarde deste domingo, no estádio Couto Pereira, pela sétima rodada da Série A.

    Com o resultado, o Coritiba alcança os 15 pontos e assume a liderança da tabela. A diferença para o segundo colocado, o Vitória, é de dois pontos.

    Único ainda invicto na Série A, o time alviverde agora acumula quatro vitórias e três empates.

    O Atlético-PR, por sua vez, se afunda ainda mais e segue na vice-lanterna, com apenas seis.

    Na próxima rodada, o time rubro-negro contará com a estreia de Vagner Mancini, que assistiu à derrota da equipe das tribunas do Couto Pereira.

    O primeiro tempo do quinto Atletiba da temporada ficou aquém do esperado. Lances de perigo apenas nos minutos finais, todos do Atlético-PR.

    Aos 43min, Everton finalizou e Vanderlei fez boa defesa; um minuto depois, um cruzamento da esquerda passou por todo mundo, e por muito pouco Manoel não conseguiu alcançar e mandar para as redes.

    A favor do Coritiba, apenas uma falta cobrada por Alex que Wéverton precisou dar um passo para trás e espalmar por cima.

    Mas a história mudou no segundo tempo. Em menos de 15 minutos surgiram mais chances de gol do que em toda etapa inicial. E em uma delas, aos 11min, o time alviverde abriu o placar, com Geraldo.

    Após jogada iniciada com Alex, o atacante angolano – que recentemente adquiriu dupla cidadania – aproveitou chute errado de Robinho e, da segunda trave, finalizou cruzado para abrir o placar no Couto Pereira. 1 a 0 Coritiba.

    O jogo seguiu morno, mas quase nos acréscimos Marcão teve uma chance de ouro para empatar o clássico.

    Ele ficou cara a cara com Vanderlei, teve tempo de sobra para escolher o canto, mas não finalizou com perfeição e viu o goleiro do Coritiba fazer uma defesa espetacular para garantir a vitória alviverde.

     

     

     

    Publicado por jagostinho @ 18:24



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • Fernando Correa Martins Disse:

    Bom dia, seu Jota.

    Não precisamos nem jogar bola para ganhar do time do General Zod. Quem tem o SuperAlex está sempre próximo de vencer.

    Com defesa forte, um goleiro largo (Vanderlei debaixo das traves é um monstro) e um craque, somado a uma campanha boa fora de casa, podemos fazer graça. O campeonato é nivelado por baixo.

    Abs, SAV e Siga o Líder!

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.