Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 05set

    PORTAL DA BONDE

    45 mil pessoas deverão embarcar na Rodoferroviária de Curitiba, em ônibus que fazem linhas estaduais, interestaduais e internacionais, durante o feriadão da Independência.

    A estimativa é que o movimento seja cerca 8% maior que o registrado em igual período de 2011, quando os embarques somaram 41.400 pessoas. 

    O maior movimento no terminal administrado pela Urbs – Urbanização de Curitiba S/A, será na tarde e noite de quinta-feira, dia 6, quando estão previstas saídas de 780 coletivos, transportando 25.700 passageiros.

    Já na sexta-feira, dia 7, outros 580 ônibus deixam Curitiba, com 19.300 passageiros. Em dias normais, o movimento de saída é em média de 380 ônibus e 10 mil passageiros. 

    Os destinos mais procurados neste feriadão são as cidades interioranas do Paraná, com 35% das preferências, seguindo-se, respectivamente, 25% que viajam ao litoral paranaense, 20% às praias e cidades interioranas de Santa Catarina, e outras 12% tendo como destino a capital paulista e cidades próximas naquele Estado. 

    Todos os embarques serão feitos normalmente nas plataformas da Rodoviária, que está em obras, visando um melhor atendimento aos usuários. Os trabalhos de revitalização deverão estar concluídos em um ano. 

    Passageiros que chegam a Curitiba na noite de quinta-feira (6), desembarcam, das 20h até por volta das 2h de sexta-feira, na rua General Carneiro, no trecho entre as avenidas Sete de Setembro e Presidente Affonso Camargo, ao lado do Mercado Municipal.

    A operação será repetida no domingo, dia 9, quando a maioria dos viajantes retorna à capital. 

    Ainda para quem chega, a Urbs disponibilizará os táxis na avenida Presidente Affonso Camargo, no trecho entre o viaduto do Capanema e a rua General Carneiro, bem como na rua da Paz. 

    O desembarque nesse local visa desafogar o terminal, que temporariamente deixa de contar com o número suficiente de plataformas.

    Quem chega, é orientado pelos fiscais da Urbs e da Polícia Militar, que ficará responsável pela segurança de quem chega.

    Publicado por jagostinho @ 13:02



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.