Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 02set

    [email protected]

    A ideia do candidato do PMDB Rafael Greca, de construir um metrô aéreo interligando Curitiba as cidades da região metropolitana, é extraordinária.

    A afirmação é do vice-presidente da República, Michel Temer, que participou na manhã deste sábado (1º de setembro), de um evento, em São José dos Pinhais, em apoio aos candidatos do PMDB do Paraná.

    “Acho fantástico. Você sabe que hoje, em face da conurbação, quer dizer, as urbes, as cidades se juntam uma as outras, não se pode pensar mais apenas na atuação de metrô de município, porque necessariamente há pessoas daqui que trabalham em Curitiba e ao contrário, e assim em toda região metropolitana”, declarou Temer, em entrevista aos jornalistas que cobriram o evento.

    E completou: “Então hoje, quem pensa como eles pensam, o Greca e o Rocha Loures (candidato do PMDB a prefeito de São José dos Pinhais), numa espécie de metrô aéreo metropolitano, eu acho uma coisa extraordinária. É a ideia de que a pessoa não vai, digamos, egoisticamente pensar apenas em si, mas vai pensar em todo povo da região”.

    O projeto do metrô aéreo de Greca prevê a construção de aproximadamente 70 quilômetros de extensão interligando Curitiba a diversos municípios da região metropolitana.

    As obras da primeira etapa vão demandar investimento dos mesmos R$ 2 bilhões previstos pela atual administração para construir 14 quilômetros de metrô enterrado ligando apenas o bairro do Pinheirinho ao centro da capital.

    Candidaturas vão unificar o PMDB

    Ao responder a imprensa, sobre possíveis divergências internas no PMDB, Miguel Temer disse que as candidaturas vão unificar o partido. “Nós temos candidatos extraordinários nos municípios do Paraná.

    Estou mencionando aqui, exemplificando Curitiba e São José (dos Pinhais), para dizer que se existir eventuais divergências, o fato é que o peso das candidaturas destas duas figuras (Greca e Rocha Loures), vai gerar no eleitor o desejo de votar neles”.

    “Na verdade eles levarão o PMDB as prefeituras e é o que interessa ao PMDB. A unidade se faz depois, estas coisas não atrapalham”, reforçou Temer.

    “Eu mesmo presidi o PMDB nacional por mais de 10 anos e havia muitas divisões e aos poucos fizemos uma unidade absoluta”, emendou.

    “Tenho certeza que, mencionando aqui o Rocha Loures e o Greca, que aos poucos eles farão a unidade absoluta do PMDB. Contarão com apoio de figuras como Osmar Serraglio (deputado federal), Sérgio souza (senador), o Rodrigo Rocha Loures (filho do candidato a prefeito de São José), que são pessoas conciliadoras, capazes de fazer esta unidade”.

    “Não preocupa uma eventual, digamos assim, divergência momentânea”, concluiu. O evento em São José dos Pinhais contou com participação do presidente nacional do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), candidatos a prefeito, vice-prefeito, vereadores e deputados do PMDB.

     

     

    Publicado por jagostinho @ 11:54



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.