Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 23abr

    JORNALE

    Atlético e Coritiba voltarão a se enfrentar na decisão do Paranaense


    O Coritiba venceu o Atlético por 4 a 2, neste domingo, no Estádio Couto Pereira, e conquistou o título do segundo turno do Campeonato Paranaense com uma rodada de antecedência.

    Com o resultado, as duas equipes voltam a se enfrentar na final do Estadual, pois o time rubro-negro foi o campeão da primeira fase.

    Everton Ribeiro, Lincoln, Roberto e Renan Oliveira fizeram os gols do Coritiba, Paulo Baier e Zezinho marcaram para o Atlético.

    Com o resultado, o time do Couto Pereira chega a 25 pontos e não pode mais ser alcançado pelos arquirrivais, que permanecem com 20, na segunda colocação.

    Pela última rodada do Paranaense, o Coritiba enfrenta o Roma Apucarana, fora de casa, enquanto o Atlético recebe o Paranavaí na Arena da Baixada.

    Jogando com 100% dos torcedores a seu favor, por medida de segurança, o Coritiba saiu na frente no marcador logo aos 2min do primeiro tempo, com Everton Ribeiro.

    Em jogada de contra-ataque, Anderson Aquino tocou para o companheiro chutar por baixo do goleiro Vinícius.

    A situação dos donos da casa melhorou ainda mais com a expulsão de Guerrón aos 27min do primeiro tempo.

    No entanto, mesmo com um a menos, o Atlético conseguiu arrancar um empate antes de ir para o vestiário.

    Aos 42min, Héracles sofreu falta na meia esquerda e Paulo Baier bateu com perfeição no ângulo direito: 1 a 1.

    Com a superioridade numérica, o Coritiba partiu para cima e conseguiu voltar à frente no marcador aos 14min, quando Lincoln recebeu de Lucas Mendes na entrada da área e bateu cruzado na saída do goleiro.

    Aos 30min o Atlético ensaiou uma reação, ao empatar com Zezinho em rebote de bola na trave chutada por Ligüera.

    O Coritiba, entretanto, não deixou o rival sequer comemorar e marcou o terceiro gol no lance seguinte.

    Roberto recebeu pela meia e finalizou no canto esquerdo para ampliar o marcador.

    Já nos acréscimos da partida, aos 48min, Roberto recebeu por trás da zaga e rolou para o meio da pequena área.

    Renan Oliveira empurrou para o fundo das redes e deu números finais ao placar.

     



    Publicado por jagostinho @ 09:27



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

2 Respostas

WP_Cloudy
  • cezar Disse:

    Com todo respeito ao meu amigo J Agostinho, o segundo gol do coxa foi em lançe claro de impedimento. Mas, admito, o coxa mereceu vencer de um time que jogou com 10. Abços.

  • Fernando Correa Martins Disse:

    Jota,

    Aconteceu basicamente o que eu acreditava, vitória do Coritiba e com um bom placar, apesar de tudo. O jogo foi muito melhor do que eu imaginava. O Coritiba parece que está querendo encaixar. Ainda tem problemas, pois aquele rapaz com a 5 não joga nada e aquele com a 9 é muito ruim. Acertou uma jogada enquanto esteve em campo, foi gol e depois só apanhou da bola. É triste ver a camisa 9 do Coritiba sendo vestida por ele.
    Démerson e Jonas também foram mal. Lucas Mendes foi bem na função de lateral e até fez a jogada do segundo gol, mas é zagueiro.
    Acredito que usando mais a base e achando um camisa 9 (espero que o Keirrison volte a ser o Keirrison) o time melhora e encaixa. Enquanto não tem o Keirrison, usa a base MO!!!!! Domingo no amistoso em Apucarana, usa a piazada!!!! Por favor!!!!
    Quinta deveremos vencer e bem, acredito nisto e apesar de tudo.
    Outra coisa, uma pergunta para vc, Jota. O que acontece com o Rafinha quando temos grandes jogos? Ele não joga nada!!!!! Espero que não tenha sido grave a entorse do tornozelo dele.
    Mais uma observação. Depois da final do Paranaense, com o título do Coritiba, eles irão pedir árbitros de outra galáxia, pois todos os deste planeta e desta galáxia estão contra eles. O técnico é ótimo, o time maravilhoso, não existe descontrole emocional e na dúvida, impedimento sempre e não pró ataque.Claro que se o impedimento for do time adversário…Se o atacante deles está meio centímetro na frente com o replay parado na hora do passe, aí não é impedimento. Segue o jogo!!!!
    Cada coisa do time da falácia… O Manchester das Araucárias ainda não caiu na real.

    Abraços e SAV

    Fernando

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.