Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 15abr

    ASSESSORIA DE IMPRENSA PT CURITIBA

    Foto: Edson Rimonatto

    O PT Curitiba está realizando hoje a eleição dos 300 delegados que irão decidir, no Encontro Municipal, dias 27 e 28, se o partido fará aliança com o PDT, do pré-candidato Gustavo Fruet, ou se terá candidatura própria nas eleições municipais de outubro.

    A eleição interna do PT curitibano começou às 9h e termina às 17 horas.

    Mais de 2,6 mil filiados estão aptos a votar. A eleição conta com cerca de 100 pessoas na organização, em 10 locais de votação espalhados por toda a cidade.

    Duas chapas disputam a preferência dos militantes de Curitiba: Chapa 1 “Uma Aliança Para Mudar Curitiba Com Você”, que defende aliança com os partidos aliados e a Chapa 2 “Candidatura Própria Já”, que pede a candidatura própria.

    De acordo com a presidenta do Diretório Municipal, Roseli Isidoro, a votação segue tranquila, sem registro de incidentes.

    Segundo estimativas da organização, até o meio dia, quase metade dos militantes aptos já haviam comparecido às urnas.

    “Está tudo dentro do cronograma. O comparecimento dos filiados durante a manhã foi bastante satisfatório, levando em conta que a maioria deixa para votar na última hora”, explicou.

    As principais lideranças petistas de Curitiba foram às urnas pela manhã. A ministra Gleisi Hoffmann e o ministro Paulo Bernardo votaram por volta das 10h30, no Colégio João Bettega, no Portão.

    Em entrevista à imprensa, Gleisi destacou a importância de valorizar os partidos da base aliada do governo federal.

    “Se eles são bons para dar sustentação ao governo federal e nos ajudar a governar o País, por que não fazermos alianças para que eles governem nossa cidade?”, questionou, se referindo ao PDT.

    O ministro Paulo Bernardo também defendeu a aliança em torno de Fruet.

    O deputado federal Ângelo Vanhoni, que também apoia a formação de uma ampla aliança para disputar a prefeitura de Curitiba, votou às 12h30, na Matriz, sede do PT Paraná.

    O deputado federal Doutor Rosinha e o deputado estadual Tadeu Veneri, que defendem a tese de candidatura própria, votaram no Boqueirão e no Boa Vista, respectivamente.

    Rosinha afirmou que, independente do resultado, o PT Curitiba estará unido nas eleições de outubro.

    “Sou fundador do PT, estava no Colégio Nossa Senhora de Sion, em 1980. Durante todo meu tempo de militância fui minoria e sempre respeitei a escolha da maioria. Espero que, caso a tese vencedora seja da candidatura própria, a maioria do PT de Curitiba também saiba respeitar a decisão democrática dos filiados.”

    A apuração começa às 19 horas e será na Sede do PT Paraná. A expectativa é que o resultado seja divulgado ainda na noite de hoje.


     



    Publicado por jagostinho @ 16:09



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.