Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 07nov

    Jornal da Manhã de Ponta Grossa

    ACUSADO DE RECEBER PROPINA, PREFEITO DE CASTRO ALEGA ARMAÇÃO POLÍTICA

    O prefeito Moacyr Elias Fadel Junior (PMDB), da cidade de Castro, na região de Ponta Grossa, é acusado de receber propina de diretores da empresa concessionária do transporte coletivo do Município, a Viação Cidade de Castro Ltda.

    A denúncia foi feita nessa quinta-feira, no Ministério Público, ao promotor Paulo Conforto, por um ex-funcionário da empresa, Adolfo Rodrigues Neto, residente em Arapoti, na região dos Campos Gerais.

    Ele entregou ao representante do MP a cópia de um vídeo, feito em junho do ano passado, na qual o prefeito aparece escondendo maços de dinheiro sob a jaqueta.

    Na oitiva realizada na sede do MP, em Castro, Adolfo faz denúncias pesadas contra Moacyr, envolvendo também no esquema de corrupção os sócios da empresa Nilson Medeiros, Mário Jorge Fadel e Marcelo Jorge Fadel.

    O pagamento de propina, segundo esclarece, tinha como objetivo principal favorecer a Viação Cidade de Castro nos processos licitatórios abertos pela Prefeitura para a contratação de empresa do transporte público de passageiros.

    Existiria, segundo afirma, a execução de métodos fraudulentos para que a empresa pudesse pagar menos imposto ao Município.

    Armação

    Para o prefeito Moacyr Elias Fadel (PMDB), de Castro, as denúncias feitas por Adolfo Rodrigues Neto, ao Ministério Público, na tarde de quinta-feira, são evasivas, sem consistências e nitidamente oportunistas, com intenções meramente politiqueiras.

    “Por que apenas três anos depois ele resolveu fazer isso? Porque estamos na véspera de uma eleição e a oposição, que não consegue subir nas pesquisas, faz este jogo sujo, para tentar denigrir a minha imagem e comprometer a minha administração. Eu estou muito tranquilo”, ressalta.

    O prefeito concedeu entrevista ao Jornal da Manhã, no final da tarde de ontem, transmitindo uma palavra de tranquilidade à população de Castro.

    “Não peguei dinheiro da empresa (Viação). Eu fui à empresa pegar R$ 15 mil que eu havia emprestado para o Adolfo. Ele armou tudo”, defende-se.

    Adolfo, comenta o chefe do Executivo, já havia tentado extorquir o dono da empresa (Marcelo Fadel) e depois, por diversas vezes, também passou a extorqui-lo.

    “Há 10 dias ele pediu R$ 50 mil, dizendo que tinha um vídeo que me comprometia. Como ele não conseguiu vender para mim, vendeu para o grupo da oposição”, acentua.

    Assista o vídeo entregue ao MP:

    FONTE: YOUTUBE

    Publicado por jagostinho @ 19:06



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

3 Respostas

WP_Cloudy
  • MARIA JOSIANE Disse:

    eSTOU TORCENDO QUE VA PARA CADEIA LUGAR DE LADRAO E NA CADEIA MESMO;;;;;;;;;;;;;;

  • Riva Guarani Disse:

    VOCÊ PREFEITO MOACYR FADEL…SÓ TEM CARA DE SANTO…SÓ PENSA EM ROUBAR….E TENTANDO DIZER QUE É TUDU MENTIRA…QUE É INOCENTE….NÃO ADIANTA….NÃO VAI DEMORAR MUITO + LOGO LOGO VC VAI PRA CADEIA…AÍ QUERO VER PROVAR SUA INOCÊNCIA!! QUER DIZER SÓ VC FALA QUE É INOCENTE!!! BOM VAMOS VER O QUE VAI DAR ISSO…!!!

  • paulo andré mossoloto Disse:

    é prefeito a casa caiu…..antes tinha a promotora que livrava a tua cara, só porque vc era amante da safada.rsrs até tua esposa fragar vc..puts que esposa.. vamo ve agora no que vai dar……..mas uma coisa naum concordo com o povo dizendo que vc é um ladrao…vc naum é um ladrao vc é o chefe do bando de ladrão…com irmao esposa primos .tudo isso na prefeitua…té mais e boa jaula pra vc

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.