Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 10jun

    Paraná Online/Roger Pereira

    Pela primeira vez do Paraná desde que deixou o Palácio do Planalto, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, nesta tarde, em Curitiba, que o Brasil ganhará muito com a parceria entre a presidente Dilma Rousseff (PT) e a nova ministra da Casa Civil, a paranaense Gleisi Hoffmann (PT).

    “Acho que a Gleisi é uma figura excepcional. Ela era antes, foi durante seus cinco meses de Senado e será, com certeza, durante todo o governo uma das pessoas mais competentes deste País”. Lula brincou dizendo que, agora, as mulheres estão nos dois principais cargos do Executivo federal.

    “Fico até com medo do poder que as mulheres estão conquistando. Elas estão ocupando um espaço enorme na política. Mas como conheço a Dilma e conheço a Gleisi, acho que as duas vão fazer muita coisa juntas por esse país. Só estou torcendo para que as coisas deem certo”.

    Sobre a saída do ex-ministro Palocci, indicação sua para o primeiro escalão do governo Dilma, Lula apenas lamentou. “É uma pena (a saída de Palocci). Não é todo país que tem um quadro político da competência do Palocci. Mas acho, também, que a presidenta Dilma tomou a atitude no momento correto”, disse.

    Questionado sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal, que negou recurso do governo italiano para revisar a decisão do então presidente Lula, que, no ano passado negou o pedido de extradição de Cesare Battisti, o ex-presidente disse apenas que “não comento decisão da Suprema Corte”.

    Lula esteve em Curitiba para participar do encerramento da marcha do movimento nacional das catadoras de material reciclável.

    “Tenho compromisso de vida com vocês. E, mesmo fora do governo vou continuar atuando para que, até 2014, não tenhamos mais nenhum lixão a céu aberto neste país”.

    Lula, que durante seu governo abriu o Palácio do Planalto para os catadores, disse que agora, fora da presidência, estará mais disponível para atuar na defesa das questões dos catadores, que pedem a proibição da incineração de resíduos sólidos, o fim dos atravessadores, a profissionalização dos catadores a retirada das crianças do lixo.

    “Deixei a presidência e voltei para minhas origens. Nunca esqueci de onde vim. Não sou catador de material reciclável, mas sou um eterno catador de sonhos e esperança e luto para reciclarmos a cabeça das elites brasileiras que ainda não valorizam o trabalho de vocês”, discursou.



    Publicado por jagostinho @ 17:04



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • míriam Disse:

    GOVERNANDO NOS BASTIDORES ELE PRETENDE SER ETERNO…QUER DILMA POR OITO ANOS E EM SEGUIDA PALOCCI POR MAIS 8 . Até lá o povo esqueceu das Artimanhas do Palocci e ele, quadriplicou sua fortuna em favor de sua campanha.

    COMO É FÁCIL ENGANAR UM POVO INGÊNUO E CRÉDULO. O POUCO QUE FEZ FOI OBRIGAÇÃO E NÃO MÉRITOS DE QUEM SE PREOCUPA COM A POBREZA . ( de bonzinhos o inferno está cheio )

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.