Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 14jan

    Fonte:- Meandros da Política/Rodini Netto

    A antecipação do processo de “fritagem” dos possíveis candidatos a prefeito de

    Gustavo já está incomodando muitos

    Curitiba, nas eleições de 2012, já começou… e não é de agora.

    Mas, nas eleições do ano passado, pelo menos, ficaram em “stand by” devido ao fato de um dos principais nomes do PSDB estar concorrendo ao Senado.

    Pois bem, parece que a “trégua” é finita…

    Uma nota publicada no blog do Fábio Campana (“Assim é Fácil”), mostra que a preferência de seus “preferidos” não é a de Fruet… e que o “fogo amigo” passa a alastrar-se tentando “destruir” a imagem de “bom moço” e de “ético” do Dr. Gustavo Fruet, deputado federal em fim de mandato.

    Como Fruet pretende disputar a presidência do Diretório Municipal do PSDB de Curitiba, batendo de frente contra o “eterno” presidente da Câmara Municipal, João Derosso, que também é candidato a manter-se à frente do Partido na capital, vem enfrentando a “resistência” daqueles que querem o poder a todo custo… (aqueles que dizem que cumprem mandatos, e não cumprem, por exemplo).

    Guga é candidato a prefeito em 2012. A tentativa de “fritar” e “desgastar” o seu nome é um óbvio processo de tentativa de “forçar” o moço a desistir de, pelo menos dentro do tucanato, tentar continuar as suas nada “aventurosas” tentativas de comandar o PSDB local e garantir a sua indicação pelo partido como candidato a prefeito em 2012.

    Como há interesse da ala governista em manter a aliança com o prefeito Luciano Ducci (PSB), os indícios de que este processo de “fritagem” vão aumentar, são grandes.

    Com Guga fora da mídia, sem mandato, e sem a presidência de um partido político, pensam, será mais fácil demovê-lo da ideia de disputar contra o aliado tucano, as eleições municipais que se avizinham.

    Gustavo é guerreiro… o moço, é “porreta”… existem outros partidos a espera do curitibano para que seja, por um deles ou por um grupo, candidato de consenso daqueles que pretendem o seu rompimento com o governador do Paraná.

    Cabe ao Guga decidir, nesse período que a lei eleitoral lhe dará para possíveis mudanças partidárias, analisar qual o melhor contexto para disputar as eleições em Curitiba e tornar-se prefeito da Capital do Paraná.

    Publicado por jagostinho @ 11:11



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.