Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 04jan

    Fonte:- Site Rádio Banda B/Tiago Silva e Luiz Henrique de Oliveira

    O Delegado Geral da Polícia Civil do Paraná, Marcus Vinicius da Costa Michelotto,

    Michelotto: "Em médio prazo,teremos todas delegacias do Paraná abertas 24hs"

    afirmou nesta segunda-feira ao repórter Tiago Silva da Banda B que não vai admitir delegacias sem a presença de delegados.

    Ele fez a afirmação ao ser avisado por nossa reportagem que a delegacia de Almirante Tamandaré está sem ninguém no comando, já que o delegado Marcos de Goés, responsável por aquela distrital, está participando da Operação Viva o Verão, e o superintendente está em férias.

    A reportagem da Banda B ficou ciente do fato ao ligar para a delegacia de Almirante e não conseguir nenhuma informação sobre um crime bárbaro que aconteceu na cidade, na tarde deste domingo (03).

    Segundo o funcionário que atendeu à Banda B, quem está no comando da distrital é o delegado responsável pelo município de Rio Branco do Sul, tendo então que acumular funções.

    “Isso é uma questão inadmissível, não poderia estar acontecendo, não admito delegacia sem delegado”, afirmou o delegado geral.

    Delegacias abertas 24 hs

    Michelotto também falou sobre outros problemas enfrentados pela população quando o assunto é segurança.

    “Em médio prazo teremos toda a delegacia do estado aberta 24 horas. Elas não podem ser fechadas às 6 horas da tarde”, disse ele referindo-se ao fato do Ciac-Sul (8° Distrito Policial) ser a única delegacia em Curitiba aberta para atender a demanda criminal da madrugada na capital.

    Com frequência, faltam vagas para detidos naquela distrital, o que faz com que muitas vezes viaturas da PM tenham que circular com bandidos por falta de espaço nas celas.

    O delegado geral também comentou sobre o futuro da Polícia Civil.

    “Temos que vencer o mal aqui no Paraná. Vou passar em todas as delegacias e cobrar o trabalho, ouvindo o policial civil e aprendendo com uma equipe mais unida”.

    ” Quero uma polícia civil mais atuante, indo às ruas, vou fazer uma revolução com delegados mais novos e mantendo os mais experientes que ainda tem vontade de nos ajudar. Pretendo ajeitar a casa imediatamente. Procuro delegados sem improviso, temos que trabalhar com profissionalismo.”, disse ele.

    Para finalizar, Michelotto agradeceu seus companheiros de trabalho que foram os responsáveis diretos pela oportunidade de hoje ele estar no comando da Polícia Civil.

    “É uma trajetória rápida que eu devo a toda minha equipe que levou meu nome a ser delegado geral. Foi um trabalho que eles realizaram. Quero fazer da Polícia Civil uma grande equipe também e vamos trabalhar por isso”, concluiu.

    Publicado por jagostinho @ 09:15



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • elias glaucio Disse:

    O pior e quando tem delegado e nao tem delegacia.Ou quando o delegado e agentes sao corruptos

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.