Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 25dez

    Fonte:- FOLHA.COM

    Alimentos mal condicionados ou manipulados sem o cuidado necessário podem ser fontes de doenças.

    Por isso, a Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo faz um alerta à população para garantir que as festas do fim de ano não se transformem, literalmente, em uma dor de barriga.

    O primeiro cuidado a ser tomado com o preparo de uma refeição é com relação à temperatura dos alimentos.

    O ideal é deixar os alimentos aquecidos a 70ºC ou dentro da geladeira, explica Eliana Suzuki, técnica da Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentos.

    Nos alimentos deixados em temperatura ambiente pode haver o crescimento de bactérias ou de suas toxinas, que causam diarreias e vômitos.

    Por isso, a especialista recomenda que as refeições permaneçam, no máximo, duas horas fora de refrigeração.

    Também há necessidade de cuidado redobrado com refeições à base de ovo, uma fonte em potencial para a transmissão da Salmonella Enteritidis, bactéria responsável por 50% dos casos de gastroenterites.

    É preciso cuidados também na hora de consumir tortas e salgados. Quando não assados corretamente, sem que a temperatura atinja o recheio, podem alojar a bactéria causadora do botulismo.

    A doença pode provocar paralisia flácida das pálpebras, falta de ar, fraqueza muscular de braços e pernas, além de dificuldade para falar ou engolir. Se não tratada a tempo, pode levar até a morte.

    Dicas para uma ceia sem perigo

    – Lavar as mãos antes de comer e depois de usar o banheiro;

    – Não misturar alimentos de origens diferentes, como carnes e verduras, em cima da pia;

    – Não usar a mesma faca durante a preparação de diferentes alimentos;

    – Lavar bem frutas e verduras com água potável/tratada e depois higienizá-las com hipoclorito de sódio ou água sanitária (siga as instruções do rótulo ou da bula do produto). Vinagre doméstico não mata os microrganismos. Ajuda apenas a despregar sujeiras;

    – Cozinhar, assar ou fritar muito bem os alimentos a serem consumidos. Sempre aquecer as sobras antes de ingeri-las;

    – Guardar os alimentos já preparados dentro da geladeira;

    – Não consumir alimentos de procedência clandestina ou desconhecida;

    – Lavar latinhas de refrigerantes ou outras bebidas com água e sabão.

    Publicado por jagostinho @ 17:47



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.