Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 04ago

    PARANÁ ONLINE/LUCIANA CRISTO

    Bergmann - o que menos gastou/Foto: Ciciro Back

    O senador Osmar Dias (PDT) foi o candidato ao governo do Estado nas eleições do próximo dia 3 de outubro que informou o maior valor arrecadado e também o maior valor gasto na campanha eleitoral até agora.

    Na declaração encaminhada pelo candidato ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Osmar Dias informa que arrecadou até agora R$ 5,11 milhões e gastou R$ 4,92 milhões.

    Segundo a coordenação de campanha do candidato da aliança A União Faz um Novo Amanhã, os principais gastos até o momento foram com produção de rádio e TV (R$ 428 mil); pesquisas internas e testes eleitorais (R$ 200 mil); serviços de terceiros e material de campanha (R$ 198 mil); transporte e deslocamento (R$ 62 mil) e organização de eventos (R$ 47 mil).

    Já o candidato Beto Richa (PSDB), candidato da coligação Novo Paraná informou que o valor arrecadado foi de R$ 2.086.000,00 dos quais foram gastos R$ 228.259,34, a maior parte com material de divulgação e produção de programas eleitorais.

    De acordo com o comitê financeiro da campanha do candidato Paulo Salamuni (PV), até agora foram arrecadados R$ 86.500,00 e foram gastos R$ 42.311,72, dos quais mais de R$ 37 mil foram destinados à produtora responsável pelo programa eleitoral de Salamuni.

    O candidato Luiz Felipe Bergmann (PSOL) informou que até agora o único gasto da campanha foi com a confecção de jornais, num total de R$ 1.330, o que também corresponde ao total arrecadado.

    Como se trata de uma prestação de contas apenas parcial, o candidato do PSOL informou que na próxima prestação de contas obrigatória fará uma declaração mais detalhada para a Justiça Eleitoral.

    O prazo para que todos os candidatos a deputado, senador, governador e presidente da República façam a primeira parcial de prestação de contas obrigatória à Justiça Eleitoral acabou na meia-noite de ontem.

    A divulgação oficial deste primeiro relatório parcial sai na próxima sexta-feira, no site do Tribunal Superior Eleitoral (www.tse.jus.br). No período de 28 de agosto a 3 de setembro todos os candidatos devem fazer uma segunda parcial com os saldos de receitas e despesas da campanha eleitoral

    Publicado por jagostinho @ 10:31



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

3 Respostas

WP_Cloudy

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.