Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

8 Respostas

WP_Cloudy
  • Albuquerque Disse:

    Os outros comentam. Ele [você, Jota] analisa. Eu acho que você não distorce, mas torce. É um baita de um torcedor, quer porque quer salvar a pele do amigo Requião. O único jeito para isso é Osmar sair para governador. Se sair para senador, tchau Requião, vista o pijama e fique em casa.

  • Carvalho Disse:

    Caro Jota
    Não torça tanto, acalme-se. DIAS melhores virão, porque os DIAS atuais se merecem, têm o mesmo DNA, não vale a pena a gente se estressar por eles. O diabo é que as alternativas são igualmente ruins. Betinho? Decididamente nós paranaenses merecíamos coisa melhor. Depois de 8 anos aguentando um troglodita, um atrasado, as perpectivas não são boas. Ainda bem que no plano federal LULA continuará presente.

  • LINEU TOMASS Disse:

    Caro Jota.

    Eu fico com a minha versão publicada no blog: (www.lintomass.wordpress.com), pois recebi a informação de fonte digna de crédito, pois trata-se de pessoa informada minuto a minuto sobre a reunião de ontem em Brasília, com o DEM impondo veto ao nome do Alvaro, na vice do Serra.

  • Jorge Disse:

    Nada como um dias após o outro.

    Uma chapa Zé Serra + Alvaro está fadada ao fracasso. Isso não é desejo meu mas é a leitura das pesquisas de opinião. Ganham no Paraná e São Paulo e perdem de goleada nos demais Estados.

    Já Osmar seria vítima do abraço do afogado. Não concorreria ao Governo, provavelmente perderia a eleição para o Senado (remember Requião e Gleisi) e ficaria com a pecha de “banana”, para não usar nenhum termo mais chulo.

    Os Dias se tornariam Noites.

    Não. Não é verdade. Os irmãos Dias não são tão ingênuos assim. Muito pelo contrário. Isso tudo é jogo de charme para melhorar posições relativas no tabuleiro da política.

  • Norte Pioneirense Disse:

    É Jota olha o que virou a nossa política, não sou muito fã do Requião, mais tenho certeza que se ele pudesse ser canditado a governador novamente as coisas seriam diferentes, o bicho ja tava pegando e todos ja teriam se definido porque o homem é o BICHO DA GOIABA kkkkkkk…

  • birnbaum Disse:

    É preciso tomar cuidado com os DIAS. Um é turrão e inseguro, o outro é deslumbrado. Osmar é mal assessorado, Álvaro só quer aparecer na Tv Globo e, por não se intessar pelas coisas do Paraná, perdeu o controle do PSDB estadual. O que não entendo como é que o ex-governador Requião perdeu o controle do PMDB. Com toda a trajetória dele, ainda assim, no momento, está fora das articulações. Mas Requião tem estrela, construiu sua trajetoria democraticamente, sempre pelo voto popular. Contudo, teve o apoio de José Richa [prefeitura], Álvaro [governo estadual] e Lula [dua vezes, governo do estado]. Vai se eleger senador na onda [tsunami] do Lula/Dilma. Vai ter sorte assim lá…

  • Clovis Pena - É o preço ! Disse:

    Criou-se um vazio na política do Paraná. Os poucos líderes atuais, sofrem pelo inevitável e natural desgaste. O povo, neste cenário eleitoral, busca opções alternativas para futuro e quase não as encontra. Não há um bom rol de opções para a escolha de governantes. Do contrário, os partidos maiores teriam, cada um, pelo menos dois ou três líderes disputando suas convenções. Aqui é diferente. O processo das definições de mandatos futuros ocorre nos gabinetes. São os acertos dos cardeais. Acertos para sair ou para ficar, para ser situação ou para ser oposição. Verdadeiros loteamentos. Tanto faz. Vale o acerto. Nesta conjuntura, os eleitores são colocados na espera, para homologar as coisa acertadas, em outubro. Por isto, é possível afirmar que há um objeto central nos acertos, que não é exposto ao debate e ao referendo popular. São coisas pessoais, de famílias, de amigos, de sócios. Estas coisas, são o insumo e o combustível do abuso do poder, favorecidas em muitos casos, pelo segredo de justiça e pela morosidade em processos. Por isto, é fundamental um projeto de incentivo à participação popular na política paranaense, para dar sustentabilidade ao inédito resultado, antes nunca visto ou sequer imaginado como possível, da atual campanha moralizadora da RPC, e da OAB com outra entidades. E, que deste movimento histórico possam surgir novos líderes para o futuro. Para o Paraná que queremos.

  • Tweets that mention http://208.113.167.84/?p=18748utm_sourcepingback -- Topsy.com Disse:

    […] This post was mentioned on Twitter by . said: […]

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.