Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 25maio

    BANCADA DA OPOSIÇÃO/CÂMARA MUNICIPAL DE CURITIBA

    Com protestos dos Servidores Municipais (Sismuc), nesta segunda-feira (24), a Câmara Municipal de Curitiba votou o projeto de Lei que estabelece o novo salário do prefeito de Curitiba, de R$ 19.115,19 (dezenove mil, cento e quinze reais e dezenove centavos), para R$ 26.723,13 (vinte e seis mil e setecentos e vinte e três reais e treze centavos.

    A bancada de oposição protocolou uma emenda para fixar o subsidio mensal do Prefeito Municipal de Curitiba, que não foi aprovada pelos parlamentares.

    O fato da bancada considerar as perdas históricas de reajuste dos servidores públicos municipais, que somam 14,68% e que, a mesma gestão municipal, se negou a recompor, foi uma justificativa da emenda.

    “Os servidores fizeram a proposta de parcela para o reajuste e, mesmo assim, não foi aceita. Por isso, entendo que o reajuste proposto para o salário do Prefeito de Curitiba é incoerente com relação às perdas históricas dos servidores municipais”, apontou a vereadora Professora Josete (PT).

    Os parlamentares da bancada de oposição, relembraram a atitude do ex-prefeito Beto Richa (PSDB), que em 2007 afirmou que destinaria 30% do seu salário a entidades de ação social. Fato que, segundo o líder do prefeito, será mantido pelo atual mandatário.

    A bancada ressaltou que os subsídios dos Prefeitos Municipais de capitais do mesmo porte de Curitiba, são inferiores a proposta de aumento votada hoje.

    Como por exemplo, Florianópolis R$ 15.484,31; Porto Alegre R$ 12.842,51; São Paulo R$ 12.384,05; Belo Horizonte R$ 19.080,00; Recife R$ 14.635,00.

    Além do que, se comparar o salário proposto para o Prefeito de Curitiba, ao salário do Presidente da República, a diferença é grande, quando o Presidente ganhava em maio de 2009, R$ 16.250,00.

    O questionamento da bancada é o fato do por que a bancada do prefeito votou contra a fixação do salário, quando o prefeito em exercício, Luciano Ducci (PSB), irá doar 30% do seu salário para instituições sociais.

    Então, o porquê não fixar o valor, ao invés de devolver uma parcela do salário?

    E a bancada de oposição também protocolou um Pedido de Informações para saber como e onde foi investido o dinheiro que o ex-prefeito Beto Richa teria devolvido de seu salário.

    Publicado por jagostinho @ 08:32



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

3 Respostas

WP_Cloudy
  • lucas Disse:

    INTERESSANTE SUA MATERIA ,VENDO OS SALARIOS DOS PREFEITOS,CHEGO A CONCLUSAO DE Q NA TEV EDUCATIVA DOIS FUNCIONARIOS LOT. NO GAB GANHAM 600MIL POR ANO,50MIL POR MES ,SERA Q OS PREFEITOs ESTAO GANHANDO muito?

  • VILMAR SOARES CONSTANTINO Disse:

    ESTE ACERTO DO PSDB E PP OFICIALIZANDO A CANDIDATURA DE RICARDO BARROS AO SENADO FEDERAL É UMA PENA. PORQUE COM ISSO PERDEMOS A INDICAÇÃO DO DEPUTADO FEDERAL GUSTAVO FRUET AO SENADO. SEM DUVIDA O MELHOR PARLAMENTAR QUE TEMOS NO PARANA E UM DOS MELHORES DO BRASIL.

  • Olavo Martins Disse:

    Demagogia barata. O Ducci aprendeu direitinho com o fujão beto. Quem não conhece te compra cara!!!

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.