Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 30mar

    PORTAL RPC

    Dr. Rosinha-acão popular contra Richa

    O deputado federal Dr. Rosinha (PT) ingressou na Justiça Estadual, na tarde desta segunda-feira (29), com uma ação popular contra o prefeito Beto Richa (PSDB). O petista acusa o tucano de lesar o patrimônio público em razão da veiculação de peças publicitárias da Prefeitura de Curitiba em jornais do interior do Paraná.

    A ação pede que o dinheiro gasto com a propaganda seja devolvido aos cofres municipais. “A publicidade dos atos do gestor público jamais pode ter como finalidade a promoção pessoal do administrador”, afirmou o deputado na ação.

    No início de fevereiro, a Gazeta do Povo publicou reportagens mostrando que a prefeitura de Curitiba havia feito anúncios de programas municipais em jornais de Cascavel, Oeste do estado. Os anúncios do programa Mulher Curitibana foram publicados nos jornais O Paraná e Gazeta do Paraná, que são os dois principais veículos impressos da região.

    No jornal O Paraná, pertencente ao deputado federal Alfredo Kaefer (PSDB) – que já declarou apoio à candidatura de Beto Richa –, a prefeitura da capital publicou anúncios de página inteira nas edições dos dias 29 e 31 de janeiro. Na Gazeta do Paraná, o programa foi divulgado em edições que circularam nos dias 20 e 27 de janeiro.

    Os anúncios, que levam o brasão da prefeitura de Curitiba, destacam que o programa é “Um presente para o futuro”. “Mulher Curitibana. Um programa da prefeitura para cuidar da saúde das mulheres. Prefeitura de Curitiba. Respeito e Trabalho por você”, diz a mensagem.

    Na época, a prefeitura alegou que as agências responsáveis pelo anúncio se enganaram no envio da peça publicitária aos jornais – o anúncio correto seria para divulgar o turismo em Curitiba.

    “De que adianta a população de Cascavel ficar sabendo das obras realizadas pelo poder executivo de Curitiba se não poderá usufruir de tais benefícios?”, questiona o parlamentar petista. O Ministério Público do Paraná(MP-PR) já investiga o caso.

    Publicado por jagostinho @ 13:09



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

4 Respostas

WP_Cloudy

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.