Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 25jan

    Com a idade, homens tornam-se mais felizes do que as mulheres

    Quando jovens, eles voltam para casa mal humorados, mas reclamam se têm de sair. Queixam-se das despesas e, por outro lado, mostram insatisfação pela ausência de itens que tragam mais conforto. Com idade, no entanto, a tendência é que isso passe e os homens tornem-se muito mais amigáveis do que as mulheres.

    Foi isso que aconteceu com os participantes de um estudo recente concluído, em parceria, pelas Universidades de Cambridge (Reino Unido) e da Califórnia do Sul (Estados Unidos). Comparados a mulheres da mesma faixa etária, os homens aparentam mais felicidade do que elas a partir dos 48 anos de idade.

    O trabalho analisou os depoimentos de 47 mil pessoas entre os anos de 1978 e 2003, comparando o que elas manifestavam desejar, o que realmente conseguiram ao longo do tempo e que impacto isso teve no campo emocional.

    De acordo com os pesquisadores, a sensação de felicidade mais acentuada nos homens após os 48 anos é resultado da estabilidade familiar e financeira que, normalmente, acompanha esta fase da vida masculina.

    Nos questionários, o grupo respondia muitas perguntas relacionadas ao aspecto material, indicando quais aquisições fariam parte de uma vida ideal (carro, casa própria e viagens ao exterior eram algumas das opções recorrentes).

    Um casamento estável também foi citado, por ambos os sexos, como uma conquista que traz felicidade: de cada dez adultos participantes da pesquisa, nove disseram que sonham com uma vida amorosa feliz.

    Vendo em retrospectiva, os homens destacam que a casa dos 20 anos é a época mais infeliz de suas vidas e, coincidentemente, esta é a fase em que eles mais desejam permanecer solteiros.

    A tendência se inverte a partir dos 34 anos, quando o casamento vira prioridade masculina (nesta idade, normalmente, as mulheres já contraíram matrimônio).

    Publicado por jagostinho @ 15:07



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.